Resenha: “Harry Potter e a Criança Amaldiçoada”, publicado pela editora Rocco

Um livro que valeu basicamente mais pela memória afetiva do que pela história
harry-potter-e-a-crianca-amaldicoada_2Informações Gerais
Título original: Harry Potter and the cursed child
Editora: Rocco
ISBN: 9788532530431
Páginas: 352
Ano: 2016
Autor: K. K. Rowling, John Tiffany & Jack Thorne
Nota Skoob: 4,1

Ler Harry Potter e a Criança Amaldiçoada trouxe um mix de sentimentos. O prazer por poder voltar a esse mundo incrível criado por J. K. Rowling, e de frustração por uma história que deixa a desejar no conjunto da obra. Alvo de muitas críticas, a maioria delas, negativas, o chamado oitavo livro da série não justificou a existência. Ok, a realidade é que ele é o roteiro de uma peça de teatro. Mas me refiro a ela também. Fica parecendo mais uma forma de expandir o universo e fazer dele uma incrível fonte de recursos do que de fato uma homenagem, como poderia ser se tivesse sido feito de outra forma.

A história começa imediatamente de onde parou o sétimo livro, naquele epílogo onde vemos o futuro de Harry, Rony e Hermione. E a partir daí vamos acompanhar o segundo filho de Harry, Alvo Severo Potter, em sua jornada em Hogwarts e em como pode ser difícil ser filho de Harry Potter. Veremos uma aventura dele ao lado de alguns amigos numa viagem no tempo que poderá custar caro para o futuro da humanidade, pois forças das trevas poderão voltar no menor deslize cometido.

Buscando evitar dar spoiler, em suma, a sinopse é essa. O livro vai contar com vários personagens que já conhecemos e alguns poucos novos. Tanto os vivos, quanto os mortos. Sim, alguns deles aparecem novamente. Entre as crianças, protagonizam o oitavo livro Alvo e Escorpio, filho de Draco Malfoy. Os dois se tornam amigos e acabam protagonizando o que há de melhor na obra. Aparece rapidamente ainda Rose, filha de Hermione e Rony. Chata, com uma personalidade mais afiada que a da mãe quando estudante, Rose não tem muito destaque e nem fez falta.

É difícil falar desse livro sem dar spoilers. Mas a premissa dele, de toda a aventura narrada, é uma volta no tempo para evitar uma morte. E, na boa, passei boa parte da leitura tentando entender a necessidade e relevância nisso, uma vez que nem era um personagem tão importante assim. Também achei desnecessária a criação de uma nova profecia, que soou artificial e fraca. Além disso, confesso que considerei meio confusa a história de viagem no tempo utilizando o vira-tempo. Algumas coisas soaram forçadas para darem erradas e, no fim, tudo dar certo, se é que vocês me entendem.

Não consegui, ao longo da leitura, distinguir qual foi a participação de fato de J. K. na escrita ou desenvolvimento do livro. Achei a premissa, como já disse, fraca e não consigo crer que a mesma pessoa que criou e escreveu sete incríveis livros seja a mesma que desenvolveu essa peça de teatro. Os diálogos são mais notáveis. Em alguns momento me parece que ela está presente, já que algumas falas apresentam a característica bem peculiar da autora. Mas outras, e estas são a maioria, são bobas e sem sentido, percebendo de longe que não se trata da autora mexendo ali.

Não tive problemas quanto à estrutura narrativa, já que ela é diferente de um livro tradicional. Se trata do roteiro de uma peça de teatro, praticamente com 98% dele sendo composto por diálogos e um mínimo restante por descrições. Ao ler, consegui observar o teatro e não uma imagem cinematográfica. Ou seja, consegui essa dissociação importante para a leitura, que aliás, é muito rápida. A fluidez é ótima e em pouco tempo o leitor chega ao fim. É uma história com muita ação e vários acontecimentos – os anos passam rápidos e ajuda a movimentar a trama. No conjunto da obra, fiquei feliz em revisitar essa história que por anos encantou um mundo todo, mesmo que tenha tido um desenvolvimento um pouco problemático. Por ter uma leitura rápida, pela memória afetiva e alguns acontecimentos bacanas e que valem ser lidos – já que a história se torna atrativa mesmo com as ressalvas -, três estrelas.

Notas 3

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s